domingo, 3 de junho de 2012

Tire Meu Fôlego


Observando cada movimento
Em meu tolo jogo de amantes
Apenas navegando o oceano infinito
Finalmente amantes não conhecem vergonha
Virando e retornando
A algum lugar secreto por dentro
Observando em câmera lenta
Enquanto você se vira e diz

Tire meu fôlego
Tire meu fôlego

Observando, eu continuo esperando
Ainda antecipando o amor
Nunca hesitando
Em virar amores destinados
Virando e retornando
A algum lugar secreto por dentro
Observando em câmera lenta
Enquanto você se vira e diz
Meu amor,

Tire meu fôlego
Tire meu fôlego

Através da ampulheta eu vi você
A tempo você escorregou para fora do meu alcance
Quando o vidro quebrou eu te chamei
E virei para ouvir você dizer
Se só por hoje
Estou sem medo

Tire meu fôlego
Tire meu fôlego

Observando cada movimento
Neste tolo jogo de amantes
Assombrada por uma noção
De que, em algum lugar, há um amor em chamas
Virando e retornando
A algum lugar secreto por dentro
Observando em câmera lenta
Enquanto você se vira e diz

Tire meu fôlego
Tire meu fôlego

- Berlin -


3 comentários:

  1. Lindo pedido!!Que teu domingo seja maravilhoso! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. oii,seu blog está cada vez mais interessante,desculpe a demora de visitar vc...
    Fique com Deus
    Beijos da Bea
    www.biaalini.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. QUERIDA
    Boa Tarde
    Que este amor sempre nos tire o fôlego. Quando amamos tudo vale a pena.Uma feliz semana para vc com carinho.
    Bj de luz
    Ana Brisa

    ResponderExcluir

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós”
(Antoine de Saint-Exupery).

"Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las."
(Voltaire)

"Agradecer o bem que recebemos é retribuir um pouco do bem que nos foi feito".
(Augusto Branco)...

Agradeço a visita!!
Seu comentário é muito bem vindo!
Beijos da Si Arian!

 

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.